Home » Reuniões » Reunião 47 (Rio de Janeiro, 29/05/2008)
Reunião 47 (Rio de Janeiro, 29/05/2008)

ATA da 47ª reunião do LARC realizada aos vinte e nove dias do mês de maio de dois mil e oito, às 12 horas na cidade do Rio de Janeiro no Estado do Rio de Janeiro, realizada em conjunto com a reunião da CE-RESD da SBC.

Estavam presentes Antônio Jorge Gomes Abelém (UFPA – Coordenador da CE-RESD da SBC), Luci Pirmez (UFRJ - Diretora do Conselho Técnico Científico do LARC), Thais Batista (UFRN – Vice-Diretora do Conselho Técnico Científico do LARC), Flávia C. Delicato (UFRN – Diretora Executiva do LARC), Artur Ziviani (LNCC – Vice-Diretor Executivo do LARC), Joaquim Celestino Jr. (UECE), Luís Carlos E. de Bona (UFPR), Ronaldo Alves Ferreira (UFMS), Alexandre Sztajnberg (UERJ), Mauro Fonseca (PUC-PR), Anelise Munaretto Fonseca (UTFPR), Paulo André da Silva Gonçalves (UFPE), Edmundo Roberto Mauro Madeira (UNICAMP), Orlando Gomes Loques Filho (UFF), Julius Leite (UFF), Marinho Pilla Barcellos (PUCRS), Célio V. N. Albuquerque (UFF), Marcelo Gonçalves Rubinstein (UERJ), José Augusto Suruagy Monteiro (UNIFACS), Raimundo José de Araújo Macêdo (UFBA), Sérgio Gorender (UFBA), Raul Ceretta Nunes (UFSM), Liane Tarouco (UFRGS), José Marcos Nogueira (UFMG), Bruno Schulze (LNCC), Luciano Paschoal Gaspary (UFRGS), Luis Henrique M. K. Costa (UFRJ), Francisco Villar Brasileiro (UFCG), Nelson Fonseca (UNICAMP), Jussara Almeida (UFMG), Michael Stanton (UFF), Mauro Oliveira (CEFET-CE), Miguel Franklin de Castro (UFC), Regina Melo Silveira (USP), Luiz Fernando Gomes Soares (PUC-Rio), José F. de Rezende (UFRJ), Otto Carlos M. B. Duarte (UFRJ) e Lisandro Zambenedetti Granville (UFRGS), tendo este último participado remotamente por video-conferência.

 

Pauta da Reunião

  • Informes e Comunicações;

 

Assuntos comuns LARC + SBC:

1. Revistas:

a) de Redes (Luci);

b) de segurança (Joni, Rust e Luci).

2. SBRCs

- Relato do SBRC 2008 pelo organizador;

- SBRC 2009 em Recife;

- Formalização da candidatura de RS como local do SBRC 2010;

 

Assuntos CE-RESD SBC:

1. Resumo da participação no conselho de administração da RNP

2. Relato da situação financeira da CE-RESD

3. Proposta de um portal para a comunidade de Redes/SBRC;

4. Formalização por escrito dos papéis dos dois comitês (steering e CE-redes) (sugestão do macêdo-ufba)

5. Radiografia das Comissões Especiais

 

Assuntos LARC:

1. Aprovação da ATA da reunião realizada em Belem, em 2007 (5 min)

2. Relato das atividades do LARC em 2007 (20 minutos)

* Comunicado sobre eleição do comitê gestor da Internet BR (Luci)

* Resumo da participação no conselho de administração da RNP (Luci)

* Resumo da participação no conselho de usuários da RNP (Thais)

* Atualização da página do LARC (Artur)

3. Atualização dos membros do LARC

 

Ata

O Prof. Abelém iniciou a reunião levantando os assuntos comuns ao LARC e a CE-RESD. Primeiramente, foi relatado o lançamento da Revista de Redes de Computadores e Sistemas Distribuídos, cujos editores são a Profa. Luci Pirmez (UFRJ) e o Prof. Lisandro Granville (UFRGS). Neste momento, o Prof. Suruagy advoga em favor da existência de uma versão eletrônica da revista. Profa. Luci Pirmez indica que todos os sócios institucionais do LARC irão receber a revista. Prof. Julius acrescenta que a difusão é muito importante para a visibilidade da revista, sendo que a SBC poderia abraçar essas idéias com uma biblioteca digital operacional e disponível, além de indexação nas instituições e desta revista e sua divulgação. Prof. Macêdo relembra que esta divulgação pode partir como uma iniciativa do fórum de coordenadores. Prof. Lisandro indica que a biblioteca digital da SBC está operacional, faltando iniciativas para popular a mesma. A Profa. Luci esclarece que não serão duas revistas, uma eletrônica e outra em papel, mas uma revista única com divulgação em ambas as mídias, além disso ela acrescenta que a revista de redes de computadores e sistemas distribuídos não tem relação com a JISA, iniciativa do CGI.BR. Quanto a revista de segurança, o CE-RESD apóia a revista em conjunto com o CE-SEG. O Prof. Abelém então indica que será necessária a abertura de conversações com o CE-SEG neste sentido. O Prof. Julius sugere a importância de formalizar junto à SBC a necessidade de profissionalizar a operação de editoração e divulgação dessa(s) revista(s).

A Profa. Luci relata a participação no conselho de administração da RNP. O Prof. Otto Duarte indica que não há muita participação efetiva no conselho, apenas escuta-se e emite-se opinião, porém o espaço é relevante e de grande importância para a comunidade. Ele acrescenta que um ponto-chave em discussão é a decisão de contratação de suporte aos POPs, inclusive a indicação de se defender salários compatíveis com os da RNP nessas equipes de suporte aos POPs, fortalecendo assim os POPs, bem como a defesa de se buscar pessoal preferencialmente com titulação para exercício desses cargos.

Em seguida, foi realizado um relato do SBRC 2008 por seus coordenadores, que indicaram como foi a relação destes com a SBC e a RNP. Os coordenadores relataram que houve 750 inscritos no SBRC 2008. O Prof. Célio Albuquerque relata a importância das parcerias com as instituições de ensino e pesquisa para a realização do evento. Além disso, a assistência técnica da RNP no local do evento foi impecável. Houve, no entanto, uma série de dificuldades com a SBC com tomadas de decisão conturbadas, havendo críticas por parte desta quanto aos custos do SBRC. Houve diversos problemas com o sistema de inscrição, cadastro da SBC no SICAF irregular impedindo o uso de notas de empenho por instituições federais e uso de cartões de crédito pelos interessados em participar. Os coordenadores do evento também reclamaram de mensagem que receberam da diretoria da SBC criticando o orçamento do SBRC e algumas despesas do evento, bem como, sinalizando que iriam sugerir aos órgãos de fomento que tratassem com baixa prioridade os pedidos de eventos que recebem apoio do CGi.BR . O Prof. Nelson sugeriu o envio de um manifesto à SBC com um posicionamento claro da comunidade em relação às ações da SBC em relação ao SBRC. O prof. Abelém registrou que a CE de redes já enviou mensagem à diretoria da SBC, solicitando que não houvesse nenhum tipo de interferência negativa aos apoios recebidos pelo SBRC. Houve apoio maciço a proposição do Prof. Nelson Fonseca. Ficou de ser definido um comitê para redigir o manifesto. Prof. Luiz Fernando informou que essas pressões vêm das demais Comissões Especiais. Sobre esse ponto, o Prof. Lisandro fez relato sobre a reunião da SBC em Campo Grande, MS, em 2005. Prof. Abelém sugere que junto com o manifesto seja estabelecido dialogo com a diretoria da SBC para resolver o problema

Prof. Nelson Fonseca, coordenador do TPC em 2008, relatou que houve 215 submissões ao evento e houve uma taxa de aceitação de cerca de 31%. Segundo este, a metodologia do processo de revisão foi bem sucedida, sendo o rebuttal considerado um mecanismo valioso para este processo. Foi relatado também como foi a seleção dos melhores artigos do evento. O Prof. Otto Duarte comentou sobre o corpo de revisores, perguntando se o mesmo deve ser mantido, aumentado ou reduzido. Em resposta, o Prof. Nelson Fonseca é da opinião que o mesmo deve ser mantido como está.

Em seguida, o Prof. Paulo André apresentou um relato sobre a realização do SBRC 2009 em Porto de Galinhas, PE. Em seguida, houve a aprovação da realização do SBRC 2010 no Rio Grande do Sul, sob coordenação dos Profs. Luciano Gaspary (UFRGS) e Marinho Barcellos (PUCRS). Para 2011, houve a sinalização de interesse do Prof. Ronaldo Alves Ferreira (UFMS) lançando uma pré-candidatura para a realização do SBRC 2011 em Campo Grande ou Bonito no Mato Grosso do Sul. Os Profs. Anilton, Marcelo Segatto e Moisés, da UFES, não participaram da reunião, mas enviaram mensagem eletrônica para o professor Antônio Abelém confirmando o interesse de realizar o SBRC 2011 em vitória-ES. O prof. Paulo Gondin da UNB também mandou mensagem eletrônica manifestando interesse em realizar o SBRC 2011 em Brasília-DF.

 

Neste momento, passou-se aos assuntos do LARC. Foi relatado pela Profa. Luci Pirmez e pelo Prof. Artur Ziviani a inquietação sobre a manutenção da memória do LARC com a troca de Diretorias ocorrida nos últimos anos. Foi então sugerida a criação de um Conselho Consultivo composto por antigos diretores do LARC de forma a permitir às novas composições da Direção a consulta aos ex-diretores para a tomada de decisões de forma mais embasada e em consonância com a atuação histórica do LARC. A Profa. Liane sugere a retomada do uso da lista de discussão do LARC. O Prof. Artur Ziviani fez um relato sobre a atualização do sítio eletrônico do LARC, incluindo as últimas atas e a atualização da relação de representantes das instituições. Também foi discutida a relação do LARC com a SBC.

Em seguida, devido à saída das Profas. Luci Pirmez e Thais Batista da Diretoria do LARC, passou-se a eleição da nova diretoria do LARC. A chapa é composta por:

- Artur Ziviani, para Diretor do Conselho Técnico-Científico

- Flávia Delicato, para Vice-Diretora do Conselho Técnico-Científico

- Célio Albuquerque, para Diretor Executivo

- Luciano Gaspary, para Vice-Diretor Executivo

A chapa proposta foi eleita por unanimidade e estará a frente do LARC na gestão 2008-2010.

Passou-se então a tratar de assuntos da Comissão Especial de Redes e Sistemas Distribuídos da SBC (CE-ReSD/SBC).

O Prof. Abelém iniciou apresentando a situação financeira da Comissão Especial de Redes de Computadores e Sistemas Distribuídos (CE-RESD). Em seguida, propôs a criação de um portal de área de Redes que fosse adotado e apoiado pela CE-ReSD/SBC e pelo LARC. O Prof. Macêdo relatou que já houve tentativa similar no passado e sugeriu a adoção de ferramentas e aplicações compartilhadas hoje amplamente disponíveis. Foi então aprovada a formação de um Comitê para se ocupar do Portal, sendo este composto pelos Profs. Abelém, Luciano Gaspary e Lisando Granville . O Prof. Abelém relatou também que a SBC está atualmente realizando uma radiografia de suas Comissões Especiais, onde, para tanto, há a necessidade de responder a um questionário composto de 13 itens. Algumas perguntas são chave, como a que questiona a existência de um regimento próprio. Houve a decisão de se responder positivamente a essa questão no questionário e preparar um regimento para a CE-RESD. O Prof. Artur Ziviani sinalizou que já participou da elaboração do regimento do CE-CAS e que pode então compartilhar essa experiência com vistas à elaboração do regimento do CE-RESD. Foi formada então uma Comissão para elaborar e sugerir um regimento próprio para o CE-RESD. Essa Comissão será composta pelos Profs. Abelém, Luci Pirmez e Artur Ziviani. Os Profs. Suruagy e Lisandro se prontificaram a colaborar com essa Comissão para a elaboração deste regimento.

A Profa. Liane destacou o caráter especial da CE-RESD em relação às demais Comissões Especiais da SBC, pois a CE-RESD nasceu de uma comunidade já organizada pelo LARC.

Outra proposta apresentada foi a de CE realizar reuniões técnicas periódicas com representantes de diferentes segmentos da área, em caráter de brainstorm, para discutir e propor estratégias de atuação e de posicionamento da área junto à comunidade acadêmica e órgãos de fomento e apoio.

O Prof. Suruagy reforçou que a comunidade científica representada pela CE-RESD e o LARC deve se posicionar claramente junto à comunidade e órgãos de fomento e incentivo à pesquisa para sugerir e induzir ações na áreae seu aproveitamento em benefício da própria comunidade.

Eu, Artur Ziviani, secretário da reunião, lavrei esta ata que vai assinada por mim e pela profa. Luci Pirmez, Diretora do Conselho Técnico-Científico (CTC) do LARC gestão 2007-2009 e pelo Prof. Antônio Jorge Gomes Abelém, Coordenador da Comissão Especial de Redes de Computadores e Sistemas Distribuídos (CE-RESD) da SBC, após aprovação.

 

 

___________________________

 

Artur Ziviani

Secretário da Reunião

 

 

______________________________

 

Luci Pirmez

Diretora do CTC do LARC gestão 2007-2009

 

 

 

______________________________

 

Antônio Jorge Gomes Abelém

Coordenador da CE-RESD da SBC